terça-feira, 17 de julho de 2018

MÚSICA: FAZENDA - MILTON NASCIMENTO - COM QUESTÕES GABARITADAS


Música: Fazenda
                               Milton Nascimento
Água de beber
Bica no quintal
Sede de viver tudo
E o esquecer
Era tão normal que o tempo parava
E a meninada respirava o vento
Até vir a noite e os velhos falavam coisas dessa vida
Eu era criança, hoje é você, e no amanhã, nós(2x)
Água de beber
Bica no quintal, sede de viver tudo
E o esquecer
Era tão normal que o tempo parava
Tinha sabiá, tinha laranjeira, tinha manga rosa
Tinha o sol da manhã
E na despedida,
Tios na varanda, jipe na estrada
E o coração lá(4x).
                                                      Composição: Nelson Ângelo
Entendendo a canção:

01 – Qual a relação entre o título e o conteúdo da música?
      O conteúdo da canção nos mostra as coisas boas da vida na “Fazenda”. Título da mesma.

02 – No verso: “Tinha sabiá, tinha laranjeira, tinha manga rosa.” Que figura de linguagem encontramos?
      Anáfora – repetição de um termo.

03 – Leia mais uma vez a canção e procure nela palavras que comprovem que as ações aconteceram no passado?
      “... respirava o vento. / ... que o tempo parava. / ... e os velhos falavam... / Tinha sabiá, tinha laranjeira, tinha manga rosa. / Eu era criança... / Tinha o sol da manhã.

04 – Em qual ambiente se passa parte da história de vida do narrador (a pessoa que fala na canção)?
      Se passa na fazenda.

05 – Em que época da vida do narrador esses fatos ocorreram?
      Quando ele era criança.

06 – Você acredita que esses fatos foram importantes para ele? Por quê?
      Sim. Foram marcantes porque no último verso diz: “... e o coração lá”, significa que gostava muito da fazenda.

07 – Que expressões nos revelam a existência de maior experiência nas pessoas mais velhas?
      “... e os velhos falavam coisas dessa vida.”

08 – Que expressões são usadas para evidenciar lembranças do que existia na fazenda?
      “... bica no quintal / ... tinha sabiá, tinha laranjeira, tinha manga rosa / tinha o sol da manhã.”

09 – Qual fato encerra a narrativa?
      A despedida, tios na varanda, jipe na estrada e o coração lá.


Nenhum comentário:

Postar um comentário