quarta-feira, 25 de julho de 2018

FILME: XINGU - CAO HAMBURGER - COM SINOPSE E QUESTÕES GABARITADAS


Filme: XINGU

Data de lançamento 6 de abril de 2012 (1h 42min)
Direção: Cao Hamburger
Gêneros DramaAventuraBiografia
Nacionalidade Brasil

SINOPSE E DETALHES
        Os irmãos Orlando (Felipe Camargo), Cláudio (João Miguel) e Leonardo Villas Bôas (Caio Blat) resolvem trocar o conforto da vida na cidade grande pela aventura de viver nas matas. Para isso, resolvem se alistar no programa de expansão na região do Brasil central, incentivado pelo governo. Com enorme poder de persuação e afinidade com os habitantes da floresta, os três se tornam referência nas relações com os povos indígenas, vivenciando incríveis experiências, entre elas a eterna conquista do Parque Nacional do Xingu.
        Ao sair da sala de cinema, a primeira coisa que me veio à mente foi: “Realmente é uma história que precisava ser contada”. Mais um pouco foi acrescentado na minha auto visão como brasileiro e no meu entendimento de como a história se desdobrou, de fato, fora dos livros escolares.
        Como todo filme deve ser, fui levado para uma breve viagem que nos apresenta os irmãos Villas-Bôas: Cláudio, Orlando e Leonardo. O desejo de ação e aventura ao entrarem para a expedição de exploração do interior do país acabou por levá-los a uma dura vida, emaranhada por intrigas políticas e abnegação em favor dos índios, mas que acabou por culminar em uma vitória irrevogável: a criação do Parque Nacional do Xingu.
        Cao Hamburguer (O ano em que meus pais saíram de férias) percebeu esse peso dramático, importante para a história, ao afastar as suas lentes de um possível filme-documentário. Sua câmera procura as expressões, os sentimentos. Xingu é um filme sobre pessoas, sobre histórias que se entrelaçam e ajudam juntas a contar a história do nosso país. […]
        A produção como um todo agrada. E muito. As locações, fotografia, trilha… Tudo parece cooperar para que a bela história seja contada. […] Muitas armadilhas foram evitadas, e uma história que se estende por anos foi contada com uma concisão ímpar.
        Enfim, é um filme que vale a pena ser conferido. […]

FERREIRA, Rodrigo. 
                                                                        
Entendendo o filme:
01 – O texto lido é:
a) um editorial
b) uma resenha
c) uma crônica
d) um artigo de opinião

02 – A voz do autor do texto se faz explicitamente presente na frase:
a) “Ao sair da sala de cinema, a primeira coisa que me veio à mente foi […]”
b) “Sua câmera procura as expressões, os sentimentos.”
c) “Xingu é um filme sobre pessoas, sobre histórias que se entrelaçam […]”
d) “Muitas armadilhas foram evitadas […]”

03 – No segundo período do texto, o autor:
a) compara o filme “Xingu” com outros.
b) conta a história do filme “Xingu”.
c) avalia o filme “Xingu”.
d) explica a criação do Parque Nacional do Xingu.

04 – No segmento “[…] mas que acabou por culminar em uma vitória irrevogável […]”, a conjunção “mas” introduz:
a) a causa de um fato.
b) a finalidade de um fato.
c) a consequência de um fato.
d) a compensação de um fato.   

05 – No trecho “A produção como um todo agrada. E muito.”, o termo “muito” exprime:
a) comparação
b) modo
c) intensidade
d) tempo.

06 – O adjetivo “bela” caracteriza:
a) a produção do filme.
b) a fotografia do filme.
c) a trilha do filme.
d) a história do filme.    

07 – Na passagem “Enfim, é um filme que vale a pena ser conferido.”, pode-se inferir que o autor busca:
a) informar o leitor.
b) instruir o leitor.
c) entreter o leitor.
d) convencer o leitor.  
  
08 – Identifique os referentes dos termos sublinhados a seguir:
a) “[…] acabou por levá-los a uma dura vida […]”
      Referente do termo “los”: “os irmãos Villas-Bôas: Cláudio, Orlando e Leonardo”.     
    
b) “[…] ao afastar as suas lentes de um possível filme-documentário.”
     Referente do termo “suas”: “Cao Hamburguer”.




Nenhum comentário:

Postar um comentário