quarta-feira, 27 de junho de 2018

TEXTO: CANIBALISMO ENTRE INSETOS - REVISTA CIÊNCIA - LINGUAGEM DENOTATIVA/CONOTATIVA - GABARITO


Texto: Canibalismo entre insetos

      Seres que nascem na cabeça de outros e que consomem progressivamente o corpo destes até aniquilá-los, ao atingir o estágio adulto. … Esse é um enredo que mais parece de ficção científica. No entanto, acontece desde a pré-história, tendo como protagonistas as vespas de certas espécies, e é um exemplo da curiosa relação dos ‘inimigos naturais’, aproveitada pelo homem no controle biológico de pragas, para substituir com muitas vantagens os inseticidas químicos. 
Revista Ciência Hoje, nº 104, outubro de 1994, Rio, SBPC

01 – O texto apresenta linguagem denotativa ou conotativa? Explique.
      O texto apresenta linguagem denotativa, porque os fatos narrados nele representam a realidade sem sentido figurado.

02 – Coloque (D) para denotativo e (C) para conotativo:
(D) Hoje irei ao cinema.
(D) João quebrou o espelho do banheiro.
(C) Esse menino tem um coração de ouro.
(C) A Praça do peixe fica no coração de Bataguassu.
(D) Fiz um transplante de coração.
(C) Karina é mesmo má tem um coração de pedra.
(C) Para vencer a luta era preciso alcançar o coração do país.
(C) Kelly completou vinte primaveras.
(D) Na primavera as flores abrem suas pétalas.
(D) Correu muito, porém não pegou o trem para São Paulo.
(D) A tempestade foi terrível no Rio de Janeiro.
(C) Minha mãe é meu espelho.
(D) Carla superou seus problemas conjugais.
(C) “O amor é fogo que arde sem se ver…”
(C) Pedro mora no coração de São Paulo.





Nenhum comentário:

Postar um comentário