sábado, 16 de junho de 2018

MÚSICA: CANTO DE AMOR - JOÃO JUSTINO LEITE FILHO - COM INTERPRETAÇÃO/GABARITO


Música: Canto de Amor


Perdi um dia a mania
De xingar o dia por perder o trem
O trem transfigura rostos
Embrutece almas nesse vai não vem
Mas o dia, o dia não nos reduz
O dia provém da vida
Da vida que nos conduz.

Toda via é via de amar, amor
Não deixe que nosso canto
Se torne um canto de dor.

Já tive a plena certeza
Que muita certeza pode embriagar
Talvez no momento oportuno
Quando nem se pensa em duvidar
Hoje sei, saber pode dar em nada
Me vi errar na hora certa
Acertar na hora errada.

Toda via é via de amar, amor
Não deixe que nosso canto
Se torne um canto de dor.

Cedo pensei que talentos
Nascessem conosco prum ser ou não ser
Talentos nascem, renascem
Mesmo na hora que se vai morrer
Como as águas, talentos voltam pro ar
Alguns têm água da fonte
Outros terão que cavar.

Toda via é via de amar, amor
Não deixe que nosso canto
Se torne um canto de dor.
                                             João Justino Leite Filho, letra e música.
                                                                Músico, jornalista e escritor.
Entendendo a canção:
01 – De acordo com os dois primeiros versos, o que tirava a personagem do sério?
      Os atrasos constantes do trem.

02 – Por que, na opinião do autor, esse trem de que ele fala embrutece as pessoas?
      O atraso: as pessoas têm compromissos e se atrasam. Assim, as pessoas se revoltam, quebram, ateiam fogo.

03 – Via significa caminho, maneira, ocasião, situação. A partir desse significados, o que o poeta quer dizer com: Toda via é via de amar, amor.”?
      Podemos converter todas as ocasiões (situações) em caminhos e portas para o amor, para construir algo positivo.

04 – O que sugerem os versos:
        “Alguns têm água da fonte
         Outros terão que cavar.”
      Alguns precisam ter garra, gana, têm de lutar para vencer.

05 – Você gostou do texto? O que mais lhe chamou a atenção nele?
      Resposta pessoal do aluno.

06 – Como ficaria a frase, se colocarmos “dia” no plural?
a)   O dia provém da vida.
         Os dias provêm da vida.

b)   O trem sempre vem atrasado.
Os trens sempre vêm atrasados.

07 – Reescreva as frase, acentuando corretamente as formas verbais:
a)   O trem não mantem o horário.
O trem não mantém o horário.

b)   As cortinas retem a luz.
As cortinas retêm a luz.

c)   A música entretem os passageiros.
A música entretém os passageiros.

d)   Os passageiros intervem com reclamações e tumultos.
Os passageiros intervêm com reclamações e tumultos.

e)   A violência não convem.
A violência não convém.


Nenhum comentário:

Postar um comentário